Logotipo Psic
Psic - Prática Psicológica

Desde 1976

Início Professor Doutor
José Martins
Professora Doutora
Eva Costa Martins
Convenções Contactos e
Marcações

Curriculum Vitae Professora Doutora Eva Costa Martins

1. Dados Biográficos

  • Nome: Eva Inês Costa Martins
  • Membro efectivo da Ordem de Psicólogos (cédula profissional nº. 5232)
  • Categoria Profissional:
    • Professor Auxiliar do Instituto Superior da Maia

2. Formação Académica

  • 2007: Doutoramento em Psicologia, pela Universidade do Minho, sob a orientação da Professora Doutora Isabel Soares na área da Psicologia Clínica.
  • 2000: Licenciatura em Psicologia pela Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto.

3. Formação Pós-Graduada

  • 2009: Formação na Attachment Story Completion Task (Bretherton et al., 1990), Margarita Ibanez (PhD), Universidade do Minho
  • 2009: Formação no Video-feedback Intervention to promote Positive Parenting and Sensitive Discipline (VIPP-SD), Universidade do Minho
  • 2008: Tool-kit of Cognitive Neuroscience 2008: EEG, ERP, MEG, PET, fMRI, TMS. F.C. Donders Centre for Cognitive Neuroimaging, na Universidade de Radboud (Nijmegen, Holanda).
  • 2006: Participação na workshop Circle of Security, programa de intervenção precoce para crianças e pais, com fundamentação na Teoria da Vinculação, Robert Marvin (PhD, Director da The Mary D. Ainsworth Child-Parent Attachment Clinic, Universidade da Virgínia), no Instituto de Psicologia Aplicada - ISPA (Lisboa).
  • 2007: Participação no curso "Introdução aos de modelos regressão multinível", Maria Eugénia Ferrão (PhD), Universidade da Beira Interior
  • 2005: Participação na workshop de formação na cotação e administração procedimento experimental Situação Estranha - Grupo D, Alan Sroufe (PhD) e Elizabeth Carlson (PhD), no Institute of Child Development (University of Minnesota - EUA).
  • 2005: Participação no Attachment & Psychopathology - International Course, Patricia Crittenden (PhD, Family Relations Institute - Miami)
  • 2005: Obtenção de fidelidade na administração e cotação do procedimento experimental Situação Estranha - Padrões A/B/C, Karin Grossmann (PhD, Universidade de Regensburg, Alemanha).
  • 2005: Curso de formação "Avaliação do desenvolvimento psicomotor do recém-nascido", Belém Sanz-Rico de Santiago (psicóloga do desenvolvimento); Susana Ares (médica pediatra); Alfredo García-Alix (médico neonatologia) - Universidade do Minho
  • 2004: Obtenção de fidelidade na administração e cotação das Emotional Availability Scales, Zeynep Biringen (PhD), departamento Human Development and Family Studies (Colorado State University - EUA).
  • 2003 - 2004: Estégio clínico supervisionado pela Professora Doutora Margarida Rangel no gabinete de consulta de crianças e adolescentes da FPCE-UP, Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto.
  • 2002 - 2003: Formação em Supervisão Clínica de Crianças na FPCE-UP (70 horas). Doutor Victor Moita - Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto

4. Actividade Profissional

  • 2010 - presente: Professora Auxiliar, ISMAI - Instituto Superior da Maia.
  • 2010 - presente: Investigadora do projecto financiado pela FCT: Prontidão escolar socio-emocional-cognitiva: Uma abordagem longitudinal ao seu curso desenvolvimental durante a idade pré-escolar (PTDC/PSI-EDD/114527/2009)
  • 2009 - presente: Supervisora do Plano DOM: Desafios Oportunidades e Mudanças (Instituto da Segurança Social, IP) de Lares de infância e juventude.
  • 2007 - 2009: Função ou cargo ocupado, Elemento constitutivo do Conselho Científico
  • 2007 - 2011: Professora Auxiliar Convidada, Escola Superior de Enfermagem Santa Maria.
  • 2002 - 2007: Professora Assistente, ISMAI - Instituto Superior da Maia.
  • 2005: Professora Assistente, Escola Superior de Enfermagem Santa Maria.
  • 2003 - 2004: Professora Assistente, Universidade Portucalense.

5. Publicações

  • Osório, A., Martins, C., Meins, E., Martins, E. C., & Soares, I. (2011). Individual, relational, and contextual contributions to parallel and joint attention in infancy. Infant Behavior and Development, 34, 515-524. doi:10.1016/j.infbeh.2011.07.005
  • Vaz, F., Martins, C. & Martins, E. C. (2008). Diferenciação e regulação emocional: Enquadramento e (inter)dependência. Psicologia, 22, 123-135.
  • Tereno, S., Soares, I., Martins, E. C., Sampaio, D., & Carlson, E. (2007). La Théorie da l'attachement: Son importance dans un contexte pédiatrique. Devenir, 19 (2), 151-188.
  • Soares, I., Martins, E. C., & Tereno, S. (2007). Vinculação na infância. In I. Soares (Ed.), Relações de vinculação ao longo do desenvolvimento: Teoria e avaliação, (pp. 47- 98). Braga: Psiquilíbrios.
  • Carvalho, M., Martins, E. C., Neves, L., & Soares, I. (2007). Vinculação e emoções. In I. Soares (Ed.), Relações de vinculação ao longo do desenvolvimento: Teoria e avaliação, (pp. 159-191). Braga: Psiquilíbrios.
  • Martins, E. C. (2007). Regulação emocional diádica, temperamento e nível de desenvolvimento aos 10 meses como preditores da qualidade da vinculação aos 12/16 meses. Tese de doutoramento não publicada. Instituto de Educação e Psicologia, Universidade do Minho, Portugal.
  • Tereno, S., Soares, I., Martins, E. C., & Sampaio, D. (2005). Cuidados Relacionais na Primeira Infância (4ª ed.: 120 000 exemplares) [Brochura]. Lisboa: Neofarmacêutica.

6. Comunicações orais por convite

  • Martins, E. C., Martins, C., Osório, A., Soares, I. (2011, Junho). Regulação emocional em bebés e intrusividade materna: Interacçõeses para a predição de problemas emocionais e comportamentais aos 3 anos. Comunicação apresentada no seminário Avaliação da psicopatologia em crianças e adolescentes com a bateria ASEBA, Universidade Católica, Porto, Portugal.
  • Martins, E. C. (2011, Junho). Como é que a teoria da vinculação influência os objectivos da educação na infância? Sessão de formação no Instituto de Educação da Universidade do Minho. Braga, Portugal.
  • Martins, C., Osório, A., Barreto, A. L., Martins, E. C., & Soares, I. (2011, Fevereiro). Desejos, sentimentos e cognições: Conversar sobre estados mentais promove o desenvolvimento sócio-cognitivo e cognitivo de crianças em idade pré-escolar? Comunicação apresentada no I Congresso Internacional de Psicologia do Desenvolvimento, Lisboa, Portugal.
  • Martins, E. C. (2011, Março). Como responder às necessidades de vinculação dos bebés na família e na creche? Comunicação apresentada no seminário Por uma Educação Melhor: Práticas Educativas em Creche, Associação Gerações, Vila nova de Famalicão, Portugal.
  • Martins, E. C., & Soares, I. (2008, Abril). Vinculação na primeira infância: Implicações para o desenvolvimento da regulação emocional, relações sociais e psicopatologia. Comunicação apresentada nas 13ªs Jornadas de Saúde Mental do Algarve, Carvoeiro, Portugal.
Morada: Rua da Póvoa, 721, 4000-111 Porto         Telefone: 222000629         E-mail: psicpsicpratica.pt